19
nov
06

in disciplina aca[endê]mica

São poucos os momentos – mas eles existem – em que sinto falta de ser academicamente disciplinado. Geralmente isso acontece quando elaboro uma idéia ou uma relação que precisariam ser desenvolvidos, provados, aprovados e registrados.

Quando estava finalmente me formando em Comunicação Social elaborei uma proposta muito interessante para minha monografia de conclusão de curso: Ócio e Produção Cultural. A Bahia Pós-Industrial. A simplória tese visava provar que a Bahia por todo um conjunto de fatores estaria no mesmo grupo de regiões como Napoles e o Vale do Silicio. Regiões que teriam desenvolvido uma nova relação entre o homem e o trabalho – os pioneiros da sociedade pós-industrial. Nem um pouco pretencioso.

Deixando de lado a colaboraçao de minha desorientadora para o desfecho dessa empreitada, o fato é que apesar da tese genial e promissora, logicamente não consegui terminar e adiei minha formatura mais um ano para entregar uma outra monografia. Desta vez escolhi um tema muito mais prático – um estudo de caso de um caso idealizado, finalizado, produzido e avaliado por mim mesmo.

Cumprio o objetivo e me formei.

Esse blablabla todo na realidade tinha como finalidade informar que como não tenho saco para desenvolver academicamente minhas idéias, vou registrá-las em forma de posts. Sem nenhum compromisso com citação de fontes, pesquisa ou confirmações. Na melhor das hipoteses serão artigos, na pior das hipoteses somente notas. Se voces tiverem sorte serão cronicas.

Vou trabalhar na superficie mesmo… Quem se animar que se aprofunde no assunto.

Anúncios

0 Responses to “in disciplina aca[endê]mica”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


pedro:

  • Vou-me embora para Bahia, terra onde o mercúrio retrógrado não faz a menor diferença. 1 hour ago

colunas

www.pedrotourinho.me

Arquivos


%d blogueiros gostam disto: