26
abr
13

poder

Deus me dê clareza
mas, por favor,
não sem força.

afinal,
de quê adianta ver,
quando não se consegue mudar?

para que entender,
se não há como lutar?

consciência sem atitude
é prisão, martírio.

paralísia consciente
briga com o próprio corpo

fonte de culpa,
abismo de tristeza.

ah,
o querer.

o querer é mais forte
que a consciência do que se quer.

melhor do que não saber o que se quer,
é simplesmente não querer.

renuncia, é libertação
não querer, é poder. (f.pessoa)

Anúncios

0 Responses to “poder”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


pedro:

  • Vou-me embora para Bahia, terra onde o mercúrio retrógrado não faz a menor diferença. 2 hours ago

colunas

www.pedrotourinho.me

Arquivos


%d blogueiros gostam disto: